Governo de Guajeru cria a companha “ADOTE UMA CANECA” e “ADOTE UM COPO”


Implantada em fevereiro de 2020, a campanha “ADOTE UMA CANECA” e “ADOTE UM COPO” vinha sendo discutida pelo Governo de Guajeru desde 2019, através da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente, e faz parte das medidas de redução de consumo e preservação do meio ambiente.

Como o próprio nome já diz, o objetivo da campanha é conscientizar as pessoas sobre a importância de “adotarem” uma caneca ou um copo e assim diminuir ou evitar a utilização de copos descartáveis em casa, nos locais onde trabalham, repartições públicas e escolas.

Nesta primeira etapa a campanha focou nos servidores que trabalham nas repartições públicas e nas secretarias de governo, onde o consumo de copos descartáveis é considerável.

Nos próximos meses a Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente estará avaliando os resultados da fase de implantação, resultados estes que irão direcionar o seguimento e ampliação da campanha para outros setores e também para população em geral.

Cartazes educativos foram afixados em murais nas secretarias como forma de divulgação e promoção da campanha.

POR QUE DEVEMOS EVITAR O COPO DESCARTÁVEL? Aqui estão alguns motivos:

•       O plástico não é um material biodegradável, portanto, é poluidor do meio ambiente;

•       Demora em média 200 anos para se decompor;

•       Sua vida útil é muito pequena, às vezes chega a durar 13 segundos após sair do display;

•       Estão em número cada vez maior nos aterros sanitários;

•       Sua produção utiliza muita água e energia elétrica;

•       O plástico provém do petróleo (fonte não renovável que demora anos para se formar);

•       Há grande impacto ambiental na extração do petróleo;

•       O poliestireno do copo descartável em contato com bebidas quentes libera o estireno, que é um monômero tóxico apontado com cancerígeno;

•       Na produção do copo descartável a participação do poliestireno reciclado é mínima, desta forma todo copo descartável utiliza matéria-prima extrativa e não sustentável;

•       Sua reciclagem consome muita água, além de ser muito trabalhosa e pouco viável.

Comentarios