Projeto “Tocar Guajeru” encanta alunos com aula de violão


O projeto surgiu da necessidade em atender as famílias em situação de vulnerabilidade e risco social e atende a crianças e adolescentes guajeruenses.

Aulas são ministradas pelo professor Rafael Brito todas as terças e sextas na unidade do CRAS em Guajeru. Foto: ASCOM/Governo de Guajeru.

Iniciado em setembro de 2013, o projeto “Tocar Guajeru”, idealizado pelo prefeito Gil Rocha, tem mudado a vida de jovens e adolescentes guajeruenses encantados com as aulas de violão. Hoje os alunos já aprenderam os primeiros acordes, se encantaram com as aulas de violão e preparam para nos próximos meses receberem a certificação.

O projeto oferece aulas, totalmente gratuitas, a jovens e adolescentes guajeruenses vindos de famílias que apresentam algum tipo de vulnerabilidade social. Ao todo são 50 alunos divididos em cinco turmas com aulas duas vezes por semana.

Segundo o professor das aulas, o músico Rafael Brito, o desenvolvimento musical dos alunos tem sido satisfatório. “Procuramos utilizar uma metodologia que estimule, principalmente, aqueles que nunca tiveram contato com um violão. Alguns alunos já tinham uma noção, mas a maioria era iniciante.”

Para Rafael o índice de desistência foi considerado normal, haja vista que alguns alunos que iniciaram o curso não apresentavam interesse, talento ou aptidão para a música. “Alunos que aguardavam o surgimento de vaga foram inseridos nas turmas nos lugares dos desistentes. Dessa forma continuamos mantendo o mesmo número de 50 alunos.” Destacou Rafael.

Para aqueles que pretendem se matricular nas próximas turmas o professor orienta a procurar a coordenação do CRAS – Centro de Referência e Assistência Social onde há uma lista de espera.

Comentarios